Com o país em quarentena, as aulas virtuais vem se tornando cada dia mais essenciais para se manter engajado com os seus alunos. Confira o que você pode fazer para aumentar o engajamento online e até mesmo expandir o reconhecimento de sua marca nas próximas semanas:  

Como aumentar o engajamento de seus alunos em uma aula de ginástica online

1.    Interaja com os participantes da aula individualmente 

Avisos gerais permitem que todos sejam informados, mas entrar em contato com cada aluno individualmente lhes permite entender que não são apenas um número. Uma pesquisa da International Health, Racquet & Sportsclub Association (IHRSA) mostra que 90% dos alunos de academias gostariam de receber comunicações de instrutores e membros da equipe. Agora mais do que nunca, é importante manter um senso de comunidade. 

Para maximizar o seu impacto, dirija-se aos alunos individualmente durante a aula ou os envie um email motivacional no término de cada treino. É importante também que os instrutores conheçam as pessoas que comparecem às suas aulas e acompanhem os seus progressos.

2.    Considere todas as possibilidades de experiência do aluno

Assim que começar a oferecer as suas aulas virtuais, terá de tomar decisões que impactam as diferentes partes interessadas. Uma ferramenta para envio de mensagens, a citar, pode ser extremamente importante para que os alunos façam perguntas aos coaches durante os treinos, por exemplo.  Por outro lado, os instrutores podem não notar o valor imediato que esse recurso traz, e por isso, não o sugerem. 

Antes de tomar qualquer decisão, pense nos objetivos, nas motivações e na importância de cada parte interessada para a organização como um todo. Às vezes, é necessário priorizar necessidades opostas.

3.    Crie uma experiência digital integrada

Os alunos de hoje amam dados—é por isso que tantos deles usam fitness trackers para guardar informações sobre sua saúde. Os donos de academia podem aproveitar a crescente tendência do monitoramento de atividades físicas e ajustar os treinos de acordo com os resultados coletados.

Se o treinador puder ver os dados de saúde física de um aluno, por exemplo, consegue dar dicas sobre como o aluno consegue atingir os seus objetivos e ajustar o seu ritmo. 

4.    Transforme os treinos em jogos

Aproveite o uso de gadgets de treino para criar competições divertidas. Você pode lançar um desafio semanalmente: incentivar uma meta de subidas-descidas de escada ou de tempo se exercitando. Mesmo sem recursos de alta-tecnologia, você pode aumentar o engajamento pedindo para que os alunos que contem o número de abdominais que eles fazem por semana, ou outro exercício comum. 

Se a plataforma de transmissão de vídeo que você usa tiver a funcionalidade de permitir interação entre os alunos, use uma parte da aula para uma atividade em grupo. Jogos os ajudam a identificarem objetivos concretos, criando um investimento emocional no treino.

5.    Divulgue aulas sob-demanda  

Uma das grandes vantagens de uma plataforma online é a flexibilidade. Se você gravar as sessões e depois as postar (através de um acesso pago ou por um recurso publicitário), os alunos podem se exercitar no horário que lhes for mais conveniente. Apesar de não conseguir orientar individualmente desta forma, aulas gravadas sob demanda podem ser uma poderosa ferramenta de engajamento.

6.    Aumente sua presença online 

Com as pessoas em casa, é natural que passem mais tempo online. Para manter os alunos envolvidos com sua academia, é importante não sair do radar deles. Atualize as suas redes sociais com material instrutivo: vídeos de personal trainers, infográficos, links para artigos, série de exercícios rápidos, anúncios de eventos online e muito mais. Plataformas como o Instagram Stories e o Facebook Live são muito úteis para este tipo de conteúdo. 

 

Comments

comments